Em 2022, os Estados Unidos atingiu o maior número de vagas de emprego abertas: 11,5 milhões, segundo o Job Openings and Labor Turnover Survey (Jolts).

Parte disso pode ser explicado pelo êxodo de profissionais da área de saúde, com o fim da fase mais crítica da pandemia.

A pirâmide etária também é outro fator importante, já que um grande número de trabalhadores também se aposentaram.

Mas e aí, para aproveitar essa oportunidade e mudar de vida, como começar?

O primeiro passo é entender os requisitos necessários para obter sua licença profissional nos EUA.

Para isso, vai ser necessário conhecer agências credenciadas, os boards da sua profissão, entre outros. Leia mais!

 

Passo a passo para obter a licença profissional

Trabalhar nos Estados Unidos parece algo complexo, mas isso é um mito.

Você só precisa se informar sobre cada etapa, então verá que é apenas um processo como qualquer outro.

Acompanhe o passo a passo:

 

1. Equivalência do diploma

Antes de tudo, você precisa buscar um agência de credenciamento confiável para realizar a equivalência do seu diploma.

A agência mais comum em Odontologia é a Educational Commission for Foreign Dental Graduates (ECFMG).

Para fisioterapeutas, geralmente você precisa recorrer à Foreign Credentialing Commission on Physical Therapy (FCCPT).

Enquanto que, para enfermeiros, é a Commission on Graduates of Foreign Nursing Schools (CGFNS) que cuida dessa etapa, no geral.

Depois de aprovada a documentação, você obtém o certificado e segue para o próximo passo.

 

2. Concluir um programa educacional

O segundo passo é realizar um curso para complementar seus conhecimentos.

Mas você também pode realizar uma residência clínica ou hospitalar, ganhando ainda mais destaque no currículo, seja qual for sua profissão da saúde.

O mais importante é garantir que o programa seja credenciado. Veja os órgãos de cada profissão:

  • Odontologia: American Dental Association Commission on Dental Accreditation (CODA)
  • Fisioterapia: National Physical Therapy Examination (NPTE)
  • Enfermagem: National Council of State Boards of Nursing (NCSBN)

 

3. Avaliação do Board nacional

Para fazer parte do Board da sua área, você precisa conhecer os requerimentos. Na maioria dos casos, começa com uma avaliação.

A prova avalia as habilidades clínicas do candidato ou candidata e é utilizada pelos órgãos reguladores como critério para conceder o licenciamento ao profissional.

Na Odontologia, você precisa procurar o Integrated National Board Dental Examination (INBDE) para concluir essa etapa.

Já na Enfermagem, é o National Council Licensure Examination (NCLEX-RN).

Na Fisioterapia, o Board se chama National Physical Therapy Examination (NPTE).

 

4. Registro no Board estadual

Por último, você precisa se registrar no Board do estado em que irá morar e trabalhar.

Geralmente são aplicadas provas práticas e simulações de casos clínicos. Por isso, é tão importante dominar as peculiaridades da profissão na cultura norte-americana.

Com milhões de vagas de emprego nos EUA, especialmente na saúde, sair do Brasil para exercer sua profissão é uma oportunidade única.

O processo pode ter detalhes e exigir atenção, mas é por isso que você pode contar conosco. Já ajudamos mais de 300 pessoas a realizar uma imigração segura e com o mínimo de entraves.

 

Clique aqui e fale conosco.

MigTech Hub

2023 © MigTech Hub. All rights reserved